11 Janeiro 2018

A inspiração do Universo Batman para o Arqueiro Verde de Arrow

Você já ouviu a expressão “Batman Verde”? Essa acabou sendo uma piada criada por muitos fãs da DC Comics, após a estreia de Arrow em 2012. O nome veio do fato de Arrow beber – e muito – na fonte dos quadrinhos do Batman, pegando referências, vilões, personagens, e até mesmo expressões.

Quando Arrow estreou, a trilogia Batman de Christopher Nolan estava em alta. Ela havia acabado de finalizar, e revolucionado a forma de se produzir adaptações. Logo, Arrow bebeu e muito na fonte do filme Batman Begins, ao apresentar uma história de origem.

E digo isso, não só pelo fato de ser uma história onde mostra como tudo começou, mas sim na fotografia, na direção e nos aspectos gráficos que fizeram Arrow – em suas duas primeiras temporadas, uma série mais no chão.

(Divulgação/CW)

Passado o hype da primeira temporada, a segunda introduziu a Canário Negro. Claro, os fãs de quadrinhos sabem que o Arqueiro tem um relacionamento com ela no Universo DC, mas os fãs também sabem que ela tem uma forte conexão com o Universo Batman, principalmente por fazer parte do time Birds of Prey, junto com a Caçadora e a Oráculo.

De qualquer forma, Arrow tentou se esquivar um pouco disso, criando sua própria versão da personagem, e dando a ela várias encarnações. Mas não deixou de explorar a dinâmica entre a Canário e a Caçadora, quando as duas dividiram tela em um episódio.

Outros aspectos do universo Batman foram incorporados na trama de Arrow, ao longo do tempo.

Na segunda temporada tivemos a inclusão de Slade Wilson/Exterminador. Um dos personagens mais temidos do Universo DC, ele tem uma forte conexão com o Universo Batman, e em Arrow acabou sendo “mentor” de Oliver na Ilha, algo como Ra’s Al Ghul acabou sendo para Bruce na trilogia Nolan. Dessa forma, o pupilo se volta contra o mestre que busca vingança de alguma forma, recaindo nos entes queridos e na cidade defendida pelo herói. Arrow ou Batman? Não sei diferenciar.

(Divulgação/CW)

A coisa tomou proporções gigantes quando, na terceira temporada, Arrow pegou um vilão principal do Universo Batman e colocou na história da série: o já citado Ra’s Al Ghul, que ainda trouxe mais personagens ligado ao seu universo como Nyssa Al Ghul e, mais recentemente, Talia. A luta de espadas, o clima frio de Nanda Parbat, o misticismo do Poço de Lázaro… Tudo isso vem dos quadrinhos de Batman, e que os produtores de Arrow usaram – sem dó nem piedade – na série.

Além disso, tivemos a inserção do “Esquadrão Suicida”, que é basicamente composto por vilões do universo Batman – sofrendo algumas variações ao longo do tempo. Harley Quinn, namorada do Coringa, fez uma breve aparição inclusive em voz. (Sua cena, acabou sendo deletada, vídeo abaixo)

Também tivemos a história de Felicity, que acabou tornando-se uma espécie de “Oráculo” para o Arqueiro Verde. Até de cadeira de rodas ela acabou ficando, assim como Barbara Gordon ficou nos quadrinhos de Batman.

Os produtores usaram e abusaram do universo Batman para criar Arrow, chegando inclusive a fazer uma piada com a presença do Batman em Star City, na mais recente temporada. Quando questionam se Oliver Queen é o Arqueiro Verde, o prefeito alega que é uma montagem dizendo que poderia até mesmo ser Bruce Wayne na foto. Com esse tanto de semelhanças, de fato seria?

Não sei se pela coincidência do Arqueiro Verde ser humanizado, e muito próximo do que Batman é, ou seja, milionário, órfão e com sede de vingança, Arqueiro Verde e Batman possuem uma linha de narrativa bem próxima.

Mesmo a série coletando essa gama variada de personagens e aspectos de Batman, o melhor a se fazer e entender isso como uma homenagem e inspiração, para curtir o que Arrow tem de melhor: boas cenas de ação e uma história envolvente.

E você, concorda que o Arqueiro Verde de Arrow também pode ser chamado de Batman Verde?

Escrito por: Anderson Narciso


wellington-ricelli

Apaixonado por séries, cinema e games. Só queria ter a fortuna da família Queen. É pedir muito nessa vida?