Stephen Amell fala sobre possível crossover com Raio Negro

A série de super-heróis da CW mais recente, Raio Negro (Black Lightning), não faz parte do Arrowverse oficialmente. No entanto, isso não significa que Stephen Amell (Oliver Queen) não gostaria de ver um crossover.

A estrela de Arrow respondeu perguntas de fãs durante seu painel na Awesome Con em Washington neste fim de semana e quando um fã perguntou sobre Raio Negro, Amell admitiu que ele não tinha assistido a série, mas afirmou que não só adoraria ver Arrow fazer um crossover com Raio Negro, como acha que isso vai acontecer.

“Todo mundo finge que não vamos vamos fazer um crossover com Raio Negro, mas provavelmente vamos sim porque é assim que o mundo funciona”, disse Amell antes de explicar que ele recentemente conheceu a estrela de Raio Negro, Cress Williams. “Eu conheci o Cress devidamente, eu acho, pela primeira vez ontem. Eu acho que talvez nós tenhamos nos conhecido acidentalmente em eventos ou algo assim, e eu era um grande fã dele em 90210 quando ele meio que namorou a Donna – é verdade.”

Esta não é a primeira vez que a ideia de Raio Negro fazendo um crossover com o Arrowverse surgiu. Apesar das inúmeras afirmações de que Raio Negro é separado das outras séries de super-heróis da CW, o produtor Salim Akil reconheceu durante uma turnê da série ano passado que ele havia considerado qual Terra Raio Negro estaria no Arrowverse. No entanto, encaixar a série num local no multiverso não significa que os crossovers estão nos planos. O presidente da emissora, Mark Pedowitz, explicou em uma entrevista à Black Girl Nerds que a série nunca foi projetada para fazer parte da CW, muito menos do Arrowverse.

“Eu queria fazer parte disso por muitos, muitos, muitos anos”, disse Pedowitz. “Isso vem dos meus dias na ABC Studios. A Fox tinha o piloto e eles descartaram. Então, Salim e Mara vieram e deram a ideia. Era diferente das nossas outras séries de super-heróis e nunca foi projetado para fazer parte do Arrowverse“.

Raio Negro está sendo exibido no Brasil pela Netflix.

Via